Canela-de-ema, da família Velloziaceae, é uma planta hermafrodita rara e curiosa, encontrada nos cerrados das altitudes. É quase um fóssil vivo de tão antiga, e pode chegar a 6 metros de altura. É denominada fénix do cerrado, pois é a primeira que brota após as costumeiras queimadas do seu habitat. O caule serve como lenha e, quando batido, também serve como pincel, é usado em artesanato para a montagem de arranjos florais e suas fibras também podem ser usadas para a confecção de cordões e sacos.

Flor da Canela-de-ema comestível e decorativa

Flor da planta Canela-de-ema natural do cerrado

É uma planta nativa e endêmica da flora do Brasil, ou seja, sendo encontrada apenas em nosso país e restrita ao bioma Cerrado dos estados de Bahia, Minas Gerias, Goiás, Distrito Federal e Mato Grosso, nas formações tipo campo rupestre e cerrado latu sensu. Cresce em solos pobres ou mesmo sobre pedras.

A flor possui uma beleza única, tons violeta, lilás e branco e curiosamente são comestíveis! Sua raiz, em Minas Gerais, é muito usada para fazer chás, para combater reumatismos e dores de coluna. As folhas são bastante utilizadas para arranjos florais e selecionadas pelo gado bovino em áreas de pastagem nativas, principalmente em épocas de seca. Acredita se ainda que seu floral dá força e coragem a quem o toma.

Arbusto que dá nome à empresa cachaça canela-de-ema

Canela-de-Ema, arbusto do cerrado da família Velloziaceae, dá nome à Empresa Cachaça Canela-de-Ema.

São poucos os dados agronômicos disponíveis sobre a Canela-de-ema, principalmente quanto à produção de mudas, sendo este um dos limitadores para o uso econômico desta planta. A produção de mudas pode ser feita através de sementes recém colhidas, nestas condições a germinação é superior a 90%, ocorrendo em até 10 dias. O substrato deve ser leve, assim como a camada de cobertura das sementes, pois estas são pequenas e delicadas. O desenvolvimento das plantas é lento.

A empresa Agronegócios Fazenda Lagoa Seca do Brasil LTDA adotou como nome fantasia “Cachaça Canela-de-Ema”, porque esta planta simboliza a missão principal da empresa, que é tornar a Fazenda Lagoa Seca autossustentável, com opção pela agricultura orgânica e a preservação do cerrado e das cinco nascentes da propriedade descritas nos vídeos abaixo.

 

 

O carro chefe da empresa será o alambique Cachaça Canela-de-Ema, localizado às margens da BR 452, Km 183, Itumbiara, Goiás, também endereço oficial da empresa. O Empório virtual Cachaça Canela-de-Ema é o portal de vendas oficial da empresa e de outras marcas que priorizam também a qualidade e o meio ambiente. Tem ainda este  Blog Cachaça Canela-de-Ema que cuida, por sua vez, de informar e discutir tudo sobre cachaça.

Fazenda Lagoa Seca, município de Itumbiara Goias

Sede fazenda Lagoa Seca e área do futuro alambique Cachaça Canela-de-Ema atualmente em construção

 

 

Adão V. de Faria, Eduardo F. Junqueira e Felipe G. J. de Faria


Empório Cachaça Canela-de-ema

Loja virtual, e-commerce, da empresa Agronegócios Fazenda Lagoa Seca do Brasil LTDA que comercializa, no atacado e varejo, cachaça de qualidade produzida artesanalmente em alambique, além de produtos afins.

4 comentários

Hilda · 21/07/2019 às 06:43

Bom…saber sobre a planta canela de ema e sobre cachaça.

Hilda · 21/07/2019 às 06:44

Grande oportunidade de saber um pouco sobre cachaça…e meio ambiente

Olá!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese
%d blogueiros gostam disto: